CARTAZ DO FESTIVAL COM OBRA DE JOSÉ ROBERTO AGUILAR

José Roberto Aguilar é um pintor, escultor, performer e artista multimídia brasileiro, considerado o pioneiro na utilização do vídeo como linguagem artística neste país. Sua produção é voltada à vida urbana, à sexualidade e à pluralidade de códigos e signos, entre outros temas, utilizando-se de uma abordagem vibrante e expressiva.

Apaixonado por Alter do Chão o artista tem obras destinadas a Vila como esta selecionada para ser o Cartaz do Festival. Intitulada “O Barco” a pintura tem as cores e a alma do lugar, o Vermelho do Urucum e do Entardecer, o Amarelo da areia, das frutas e do pôr do sol, o azul das águas da pérola do tapajós e o verde da Mata Amazônica.

Esperamos que os navegantes do Festival embarquem nessa viagem artística com 7 dias de audiovisual e manifestações culturais legitimamente brasileiras. O Barco está prestes a zarpar!

INSCRIÇÕES ENCERRADAS

As inscrições foram encerradas com um total de 1979 filmes inscritos da Amazônia, do Brasil e do Exterior. Foi um grande sucesso a participação da Amazônia, do Brasil e mais de 90 países da América, África, Ásia, Europa e Oceania, isso demonstra a grande aceitação de todos os continentes com uma participação representativa do mundo. O Brasil e toda a Amazônia se fizeram presentes de uma forma contundente. 

A partir de agora a curadoria está trabalhando e analisando os filmes para uma seleção dos candidatos. Faremos uma Mostra Paralela com mais participações previstas devido a enorme quantidade de filmes inscritos, para tentar contemplar ao máximo a todos, assim sendo, desejamos aos cineastas, produtores, atores e equipe técnica que se inscreveram um enorme agradecimento pela participação e boa sorte.

O Festival de Cinema de Alter do Chão é Um olhar para a Amazônia, para os povos do mundo, para a valorização da natureza e o reconhecimento dos direitos globais. 

Esperamos que todos os olhares estejam presentes e proporcionando uma nova visão sobre a importância da Cultura, da Educação e do Cinema como ferramentas de transformação de todo cidadão brasileiro e de todo ser humano do mundo. 

Países Inscritos:
Brasil – 441
Índia – 204
Irão, República Islâmica do – 176
Estados Unidos – 113
Espanha – 102
França – 84
Turquia – 72
Itália – 55
Portugal – 52
Argentina – 45
Federação Russa – 44
Não especificado – 40
Reino Unido – 36
Alemanha – 34
México – 28
Polónia – 22
Egito – 22
Nigéria – 16
Israel – 15
Filipinas – 15
Canadá – 14
China – 14
Ucrânia – 12
Bangladesh – 12
África do Sul – 11
Roménia – 11
Paquistão – 10
Coreia do Sul – 10
Japão – 9
Austrália – 9
Indonésia – 9
Angola – 8
Holanda – 8
Croácia – 8
Grécia – 8
Tunísia – 8
Noruega 8
Suécia – 8
Sérvia – 7
Chile – 7
Colômbia – 7
Hong Kong – 7
Iraque – 7
Irlanda – 7
Azerbaijão – 6
Líbano – 6
Venezuela – 5
Áustria – 5
Afeganistão – 5
Bielorrússia – 5
Peru – 5
Equador – 4
Taiwan – 4
Bélgica – 4
Guatemala – 4
Georgia – 4
Hungria – 4
Marrocos – 4
Sri Lanka – 4
Uganda – 3
Bulgária – 3
Dinamarca – 3
República Dominicana – 3
Finlândia – 3
Cazaquistão – 3
Macedônia do Norte – 3
Montenegro – 3
Nepal – 3
Cingapura – 3
República Árabe da Síria – 3
Bósnia e Herzegovina – 2
Argélia – 2
Uruguai – 2
Cuba – 2
República Checa – 2
Gana – 2
Quênia – 2
Quirguistão – 2
Malásia – 2
Moçambique – 2
Palestina, Estado de – 2
Suíça – 2
Emirados Árabes Unidos – 2
Bolívia, Estado Plurinacional de – 1
Malaui – 1
Burkina Faso – 1
Costa Rica – 1
Jordan – 1
Mauritânia – 1
Moldávia, República da – 1
Nova Caledônia – 1
Nova Zelândia – 1
Ruanda – 1
Arábia Saudita – 1
Eslováquia – 1
Tailândia – 1
Uzbequistão – 1
Zimbábue – 1
Luxemburgo – 1

PARCERIA FIRMADA COM A ERASMUS UNIVERSITY ROTTERDAM

Proposto pela professora e pesquisadora Débora Póvoa, da universidade holandesa Erasmus University Rotterdam, o seminário tem como objetivo, socializar os estudos realizados no projeto Worlds of Imagination, que ampara sua pesquisa de doutorado, cujo trabalho busca explorar o diálogo entre, de um lado, o turismo e as comunidades locais usadas como atrações de sets de filmagem e de outro como produções audiovisuais podem contribuir, econômica e socialmente, para o desenvolvimento de tais locais. De que maneira moradores destas áreas estão envolvidos em projetos audiovisuais, de turismo e qual é o legado que tais ações deixam nessas comunidades a longo prazo com a presença de ações ligadas ao cinema, ao audiovisual, sejam set de filmagens ou festivais de cinema. Questões como estas norteiam sua pesquisa, que tem como foco várias regiões no mundo além do Brasil consideradas vulneráveis social, econômica e/ou ecologicamente, como as favelas cariocas, o cariri paraibano, África, e a Amazônia.

Alinhado a essa temática, espera-se, com o seminário, gerar um debate sobre a realização e possíveis consequências de projetos audiovisuais em tais locações, ouvindo tanto pesquisadores quanto profissionais da área.

Idealmente o seminário contará com a presença de dois pesquisadores do projeto Worlds of Imagination, e uma profissional diretamente envolvida em processos de filmagem na cidade de Cabaceiras (PB), também conhecida como Roliúde Nordestina, além de um catedrático da Ufopa (Universidade Federal do Oeste do Pará) e um profissional do audiovisual brasileiro que juntos debaterão essas iniciativas e desenvolvimento. Combinando teoria e prática, o seminário tentará aproximar as esferas acadêmica e profissional e oferecer um espaço de discussão para grupos que nem sempre têm a oportunidade de dialogar de maneira tão direta.

REUNIÃO ABERTA EM ALTER DO CHÃO

Seguindo as atividades de organização do Festival de Cinema de Alter do Chão e buscando o propósito de estabelecer diálogo com a comunidade local, em todas as suas peculiaridades, foi realizada ontem, dia 05 de agosto de 2019, mais uma REUNIÃO ABERTA, dessa vez no auditório do Conselho Tutelar da Vila de Alter, envolvendo o Conselho Comunitário da Vila, a equipe de produção e co-produção do evento e diversas representações de associações organizadas em Alter do Chão. Estiveram representadas as associações:

• Associação Turística Fluvial de Alter do Chão (ATUFA)
• Associação dos Catraieiros
• Associações dos Bairros União, Jacundá, Carauari e Nova União.
• Associação Boto Cor de Rosa
• Associação Boto Tucuxi
• Associação dos Moradores do Caranazal
• Representantes do Conselho Comunitário
• Representantes do ramo hoteleiro
• Representantes do ramo de restaurantes
• Representantes dos amigos do Esporte
• Representante da equipe Trialter
• Representante local da prefeitura de Santarém

Além das associações representadas, ainda houve a participação de pessoas independentes que se interessam pela realidade cinematográfica, de forma geral.

Avaliamos muito positivo o resultado da reunião, pois transcendemos o objetivo de socializar o processo organizacional do evento e convidar as pessoas a participarem, sentirem-se pertencentes a esse projeto, que já está amplo e diversificado; esse objetivo foi muito bem atendido! As pessoas se pronunciaram e perceberam a amplitude do evento, mas também, conversaram entre si, socializaram suas diversidades, afloraram diferenças contundentes de percepção de público entre os segmentos ali representados, que até aquele momento, não haviam tido a oportunidade de conversarem e, isso, por si só, já nos deixou felizes, porque entendemos a força que o cinema agrega, mas também entendemos que essa movimentação só se completa com a participação efetiva da comunidade local, com a inserção consciente das associações locais, uma vez que a maioria das pessoas da vila de Alter estão, em algum grau, envolvidas nessas organizações.

1000 INSCRIÇÕES EM 25 DIAS!

Chegamos a 1000 inscrições em 25 dias!!

O Festival de Cinema de Alter do Chão já tem filmes inscritos em todas as categorias! Dentre as obras de cunho internacional, países como China, Irã, Japão, França, Espanha, Alemanha, Eslováquia, Itália, Nigéria e Turquia já se inscreveram. A movimentação nacional também está sendo um sucesso, há inscrições de praticamente todos os estados brasileiros!

As inscrições estão abertas até às 23h59 do dia 10 de agosto, então se você quiser participar, confira o regulamento na página do Festival!

Abaixo o mapa zonal com os filmes inscritos, a variação de cor entre o verde escuro representando um maior número de inscrições, e o verde mais claro, representando um menor número de inscrições, o cinza representa países que não se inscreveram. O Brasil lidera o número de inscrições com 291 até o momento!

Brasil – 291
Índia – 97
Irã, República Islâmica do – 87
Estados Unidos – 52
França – 48
Espanha – 42
Portugal – 32
Turquia – 32
Itália – 29
Alemanha – 22
Federação Russa – 22
Não especificado – 21
Argentina – 21
Egito – 17
Reino Unido – 16
México – 11
Nigéria – 10
Ucrânia – 8
Polónia – 7
Israel – 7
Coreia, República da – 7
Chile – 6
Noruega – 6
Azerbaijão – 6
Roménia – 6
Austrália – 6
África do Sul – 5
Canadá – 5
China – 5
Colômbia – 5
Croácia – 5
Grécia – 5
Iraque – 5
Paquistão – 5
Indonésia – 4
Japão – 4
Peru – 4
Suécia – 4
Marrocos – 3
Nepal – 3
República Dominicana – 3
Dinamarca – 3
Holanda – 3
Finlândia – 2
Argélia – 2
Montenegro – 2
Áustria – 2
Bangladesh – 2
Bélgica – 2
Bulgária – 2
República Checa – 2
Afeganistão – 2
Georgia – 2
Hungria – 2
Cazaquistão – 2
Quênia – 2
Líbano – 2
Malásia – 2
República Árabe da Síria – 2
Moçambique – 2
Palestina, Estado de – 2
Filipinas – 2
Sérvia – 2
Suíça – 2
Irlanda – 1
Bolívia, Estado Plurinacional de – 1
Bósnia e Herzegovina – 1
Gana – 1
Jordan – 1
Quirguistão – 1
Luxemburgo – 1
Malaui – 1
Mauritânia – 1
Moldávia, República da – 1
Eslováquia – 1
Uruguai – 1
Uzbequistão – 1
Venezuela, República Bolivariana de – 1
Hong Kong – 1

PARCERIA FIRMADA COM A UNI AMAZÔNIA

Uma das preocupações diretrizes do Festival de Cinema de Alter do Chão sempre foi a ampla participação, a interação entre os povos amazônicos, a troca de informações e a promoção de ações que aproxime as diversas atividades que já existentes na Amazônia e que atuam de forma um tanto isolada. Nessa perspectiva, a parceria com o UNI, soma não só com proposta de aproximação, mas também com as atividades inerentes ao processo formativo em oficinas oferecidas durante o período do Festival.

Por acreditar no valor e na força dos povos da floresta, o UNI visa aumentar a visibilidade das comunidades, valorizando sua cultura e socializando seus conhecimentos tradicionais. Para isso, criou-se uma rede para a promoção de ações positivas, em que busca dar voz aos habitantes da floresta, fortalecendo-os e ajudando-os a preservá-la. Foi pensando nesse fortalecimento e ampliando o leque de ações do Festival, que o Festival de Cinema de Alter do Chão selou parceria com o UNI. Para esta parceria, o UNI assume compromisso com as seguintes atividades:

  • Exibição de 4 curtas
  • Exibição do longa “Amigo do Rei”
  • Mesa redonda com representantes quilombolas
  • Mesa de debates com jovens das comunidades locais
  • Mesa de debate com a temática: o futuro do minério na Amazônia
  • workshop com foco em direção de cinema e linguagem

500 INSCRIÇÕES EM 10 DIAS!

Chegamos a 500 inscrições em 10 dias!!

O Festival de Cinema de Alter do Chão já tem filmes inscritos em todas as categorias! Dentre as obras de cunho internacional, países como China, Irã, Japão, França, Espanha, Alemanha, Eslováquia, Itália, Nigéria e Turquia já se inscreveram. A movimentação nacional também está sendo um sucesso, há inscrições de praticamente todos os estados brasileiros!

As inscrições estão abertas até às 23h59 do dia 10 de agosto, então se você quiser participar, confira o regulamento na página do Festival!

Abaixo o mapa zonal com os filmes inscritos, a variação de cor entre o verde escuro representando um maior número de inscrições, e o verde mais claro, representando um menor número de inscrições, o cinza representa países que não se inscreveram. O Brasil lidera o número de inscrições com 114 até o momento!

Brasil – 114
Índia – 50
Irã, República Islâmica – 49
Estados Unidos – 25
Espanha – 24
França – 21
Alemanha – 18
Turquia – 14
Portugal – 13
Itália – 11
Federação Russa – 11
Egito – 10
Roménia – 6
Argentina – 6
Nigéria – 6
México – 5
Polônia – 5
Coreia do Sul – 5
Reino Unido – 5
Azerbaijão – 5
Ucrânia – 4
Austrália – 4
China – 4
Croácia – 4
Noruega – 4
Paquistão – 4
Peru – 4
Chile – 3
Dinamarca – 3
Japão – 3
Bélgica – 2
Áustria – 2
Canadá – 2
Colômbia – 2
Sérvia – 2
República Checa – 2
Hungria – 2
Indonésia – 2
Israel – 2
Quênia – 2
Holanda – 2
Filipinas – 2
Bulgária – 1
Afeganistão – 1
Argélia – 1
Bangladesh – 1
Moçambique – 1
Grécia – 1
Hong Kong – 1
Iraque – 1
Cazaquistão – 1
Quirguistão – 1
Malaui – 1
Mauritânia – 1
Moldávia, República da – 1
Nepal – 1
Palestina, Estado do – 1
Eslováquia – 1
África do Sul – 1
Suécia – 1
Venezuela – 1
Marrocos – 1
País não Especificado – 16

LANÇAMENTO DA PROGRAMAÇÃO

A programação completa do Festival também já está disponível na página do FEST ALTER clique aqui

Serão sete dias de muito cinema, danças cultura e arte! Durante Festival, de 10h00 às 21h00, serão exibidos longas, médias e curtas-metragens, além de documentários e filmes feitos com smartphones, nas tendas Muiraquitã e Borari/Munduruku. Já na tenda Suraras haverá rodadas de negócios, oficinas, palestras e seminários. A partir das 16h00 apresentações culturais no Palco Tapajós darão ainda mais brilho ao evento. Às 19h00, o palco para as exibições de filmes e manifestações culturais, será a Ilha do Amor, uma das mais belas praias da região.

LANÇAMENTO DO REGULAMENTO E ABERTURA DAS INSCRIÇÕES

Em 1 de julho lançamos o Regulamento do FEST ALER, em português e inglês, e encontra-se disponível para download na página do Festival, clique aqui.

Em menos de 24 horas de abertura, tivemos mais de 112 filmes, dos mais variados países, inscritos em todas as categorias do Festival!

Quer participar também? Você pode cadastrar seu filme preenchendo o formulário ou acessando a plataforma FilmFreeway, dispostos na página do Festival, clique aqui.

FEST ALTER PARTICIPA DO EVENTO GGI ESPECIAL

O Controller do Festival de Cinema de Alter do Chão, Davi Miranda, participou do evento GGI Especial, organizado pela Prefeitura de Santarém e o Grupo de Gestão Integrada para o Desenvolvimento Regional Sustentável (GGI/DRS).

A Pauta do encontro era apresentar o Painel de Investidores assim como os potenciais projetos para Santarém.

O Evento aconteceu ontem, 27/06. Nosso projeto foi apresentado para uma plateia de 200 convidados.